domingo, 1 de janeiro de 2012

DAMIEN DHARMA


Somos uma simbiogênese gerida em uma genealogia engendrada na Entropia Céu – Limbo - Inferno, imanente ao istmo espácio – temporal infinito
Tergiversações delineadas em linhas textuais no enredo macro cósmico no entorno existencial
Advindos da criação constada de uma autêntica Teoria Creacionista de autoria do Caos
Na Conspiração Universal designando o  dueto Amor & Ódio, atribuindo a cada ser o aparato da abiogênese ascendente
Reportando ao redacionismo ubíquo universal, no qual cada novo ser é um neologismo nesta Eternal Escritura do Livro da Vida
Somos malevolência  e magnanimidade  manifestando – se maquinalmente, sinergia absoluta, coesão irrepreensível
Aludindo aos ancestrais que vingaram, outorgando - nos a prerrogativa da existência

Amando, odiando, destruindo, criando
Mosaico infinito de inflexões caóticas
Prorrompidas pelas pulsões de Vida e Morte
Sob a Regência Plenipotenciária do Ponto de Densidade Infinita Pater Omnipotens Aeterni
No Estado Natural - Sobrenatural de Direito da Vida...



JOÃO OLMEDO